quarta-feira, 10 de janeiro de 2018

Quem foram os eunucos?

(HBO/Reprodução)

Eram homens que, por algum motivo, tinham seus órgãos sexuais mutilados, com a retirada do pênis e dos testículos ou apenas dos testículos. Eles existiram desde a Antiguidade.

Na Grécia, a castração era pena freqüente de crimes como adultério e estupro para impedir a reincidência. Mas também castravam-se auxiliares domésticos. Acreditava-se que isso os deixava mais inofensivos. Entre os romanos, a partir do reinado do imperador Domiciano, no ano 81, começaram a valer leis que proibiam a prática. Ainda assim, ela vigorou até o século passado.

Os muçulmanos escalavam eunucos como guardiões da tumba de Maomé, na cidade de Medina, na Península Arábica, até o século XII. Alguns povos orientais os designavam como zeladores dos haréns, nos palácios. Mas o ocidente também teve seus castrados. A partir do século XVI, meninos que vinham de famílias pobres, principalmente na Itália, eram mutilados para se tornar cantores, pois a retirada dos testículos costumava impedir que a voz adquirisse um timbre grave. Em 1878, o papa Leão XIII proibiu a castração no Vaticano e, enfim, ela foi desaparecendo aos poucos.





Fonte: https://super.abril.com.br    

Nenhum comentário:

Postar um comentário